quarta-feira, 29 de abril de 2009

Se eu encontrasse um robô


Se eu encontrasse um robô no jardim, perguntava-lhe se ele queria viver comigo. Se ele respondesse que sim, ficava a viver na minha casa e se dissesse que não apenas ficavamos amigos. Mas todos os dias ia brincar com ele no parque e ensinava-o a jogar à bola, a jogar voleibol, andebol e até futsal. Mas o que eu gostava mais de lhe ensinar a fazer era correr e jogar futebol. Às vezes ia ao parque para falar com os meus amigos e ele vinha atrás de mim. E quando os trabalhos fossem contas ele dizia sempre:

- É fácil.

Mas eu não percebia porque ele o dizia.


Hugo

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Canção para o Dia da Mãe


Neste dia que te é dedicado,
Sem saber o que te hei-de dar,
Além dum abraço muito apertado,
vou prometer não te arreliar.


Para provar o meu amor por ti,
Não quero que rias com o que te vou dizer:
Hoje sou eu que à tua cama vou,
Contar uma história para adormeceres.

(Fá, Lá, Si)

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Semana da Leitura

Os nossos pais são os melhores do Mundo!

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Quadras para a Mãe


Aproxima-se o Dia da Mãe.

Deixa uma quadra para a mãe nos comentários.

No final juntam-se as quadras e ficará um bonito texto.

Vamos tentar?

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Selinho


Recebemos um selinho! O primeiro selinho! Chegou do Brasil e foi enviado por http://claudinhaecintiaartes.blogspot.com/


«Estou passando bem rapidinho para te oferecer um Selinho da amizade !!!!
Aceite-o ... é de ♥
Beijos »
Ficamos muito contentes! Obrigada Cíntia

Franclim Neto

Foi um prazer conhecer o autor Franclim Neto.
Obrigada por este Encontro fabuloso!

terça-feira, 14 de abril de 2009

Poema .... A Amiga da China


Tangerina que tanges
O Sol do meio-dia
És cara de menina
Com pintas de alegria.

Teus gomos perfumados
Tua pele tão fina
Tangerina tão doce
Que vieste da China

Quando ia para a escola
Teu perfume nas mãos
Teu perfume no bibe
Nos cadernos. No pão.

Tu eras tão bonita!
Eu era tão menina!
Que saudades eu tenho
Minha amiga da China!

Matilde Rosa Araújo, As Fadas Verdes

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Adivinha


Todas as mães têm.
Sem ele não há pão.
Desaparece no Inverno.
Aparece no Verão.

O que é?

quinta-feira, 2 de abril de 2009